EVOÉ BACO!!!

BEM-VINDO AO BACANAL DAS ARTES!

UM CANAL PARA INTERAÇÕES, DISCUSSÕES, INDICAÇÕES DE TRABALHOS ARTÍSTICOS, CURIOSIDADES E AFINS...

COMENTEM E INTERAJAM!!!

ps: A imagem de apresentação do Blog foi criada por MARCIO BENVENUTO. Cada letra do nome do blog é formada por uma imagem corporal feita por dois artistas de nomes desconhecidos.

2 de jun de 2010

Ballet Stagium dança Luiz Gonzaga no Rio com entrada franca

(clique na imagem para ampliar)

A companhia paulista BALLET STAGIUM estréia no dia 3 de junho, na CAIXA Cultural Rio de Janeiro, a curtíssima temporada do espetáculo “MANÉ GOSTOSO”. A peça homenageia um dos ícones de nosso país, o pernambucano Luiz Gonzaga, ao realizar uma leitura moderna da cultura popular do Nordeste, com direção teatral de Marika Gidali e coreografias de Décio Otero.

A trilha sonora, tocada pelos pujantes acordes do consagrado Quinteto Violado, é composta pelas músicas: “Asa Branca” e “Assum Preto”, de Luiz Gonzaga e Humberto Teixeira; “Forró de Mané Vito” e “P’ronde tu vai Luiz?”, de Luiz Gonzaga com Zé Dantas; “Sete Meninas”, de Toinho Alves e Dominguinhos; “Dona Aninha”, de Toinho Alves e Roberto Santana; “Hino da Ceroula”, de Milton Bezerra de Alencar; e “Vida”, de Dudu Alves.

O título “Mané Gostoso” é uma alusão ao boneco feito em madeira (brinquedo infantil facilmente encontrado nas feiras nordestinas) e que tem pernas e braços movimentados por meio de cordões. “São momentos de intensa atividade musical e de coreografias vigorosas, expressas nos corpos dos bailarinos, envolvendo a platéia em interpretações diferenciadas do universo regional”, explica a diretora Marika Gidali.

Genuinamente nacional e de forte identidade nordestina, a montagem é resultado da união entre as raízes brasileiras, interpretadas pela dança da companhia paulista Ballet Stagium, marcada pelo bom-humor, pela grandeza poética e, ao mesmo tempo, pela simplicidade. “Achamos por bem unir a música do Quinteto Violado que, como o Stagium, comemora 39 anos em prol da dança e da música brasileiras”, diz Décio Otero.

As apresentações acontecem de 3 a 6 de junho (de quinta a domingo), com entrada franca.
fonte: Ney Motta e Overmundo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! Participe! Interaja!